DISPOSIÇÕES TÉCNICAS

1 - Não existem posições determinadas na quadra, mas a ordem de saque deve ser mantida durante a partida.

 

2 - Serão permitidas 6 substituições durante cada set, respeitando a regra de substituição da FIVB

 

3 - Apenas 1 lançamento para saque é permitido. Não é permitida nenhuma outra tentativa de saque.

 

4 - Os jogadores da equipe sacadora não devem impedir, com barreira, o adversário de ver o jogador no saque ou a trajetória da bola. A pedido do adversário eles devem deslocar-se lateralmente ou abaixar-se.

 

5 - O contato do bloqueio não é considerado como um toque da equipe (idêntico ao voleibol indoor e diferente do voleibol de duplas de praia).

 

6 - Não é considerada falta, se contatos simultâneos entre adversários por cima da rede resultam numa bola presa.

 

7 - Um jogador não pode completar um ataque usando a “largada” de mão aberta direcionando a bola com os dedos.

 

8 - Não há linha de ataque. Os jogadores podem atacar ou bloquear de qualquer parte da área de jogo.

 

9 - Não há linha central. Os jogadores podem entrar no espaço do adversário, quadra e/ou zona livre, desde que não interfira nas ações do adversário.

 

10 - O primeiro contato (recepção do saque, ataque suave, defesa e etc.) é o mesmo do Voleibol de Praia.

 

11 - É proibido tocar em qualquer parte da rede ou da antena, exceto o contato acidental do cabelo.

 

12 - Um jogador pode completar um ataque usando o toque de bola sem respeitar a trajetória perpendicular à linha dos ombros.

 

13 - Cada equipe, terá direito a 2 tempos de descanso de 30” por set

 

14 - As equipes jogarão 1 set em cada lado da quadra. No tie break, as equipes trocarão de quadra no 8º ponto (idêntico ao vôlei indoor).

 

15 - Os casos omissos nessas disposições serão discutidos no Congresso Técnico a ser realizado dia 08/12/2020 às 18h na Sala Bahia 1 – Ala Terra – Sauípe Resorts

 

Organização Geral do evento: Prof. Luiz Henrique Augusto, Prof. Fábio Trevisani e Cleide Sumaris.

© 2020 Sauípe Fest